Entrevista da Dilma no JN

Bom, esta eu não poderia deixar de comentar, né? Pra quem nõa viu a entrevista, o link é este aqui: http://video.globo.com/Videos/Player/Noticias/0,,GIM1315694-7823-DILMA+ROUSSEFF+E+ENTREVISTADA+NO+JORNAL+NACIONAL,00.html

Bom, a agressivdade de William Bonner é bem clara. Tão clara que Fátima Bernardes chega a interrompê-lo no final e assume a função de finalizar a entrevista. Notei que a Dilma estava bem mais segura desta vez do que no debate, apesar de ter sido mais acuada por Bonner do que pelos seus oponentes, sem dúvida alguma. Já comentei no post sobre o debate que Dilma atrela muito sua imagem à do presidente Lula (como era de se esperar), inclusive usando sempre o “nós”, ao se referir a dados do governo Lula. Sei que ela representa a continuidade de um governo do qual gosto pra caramba, mas tenho um pé atrás sobre o tipo de continuidade que teremos (espero não ter que usar o futuro do pretérito…) com uma aliança com o PMDB, sobretudo levando-se em consideração que o PT abriu mão de lançar candidatos a vários governos estaduais e cedeu pro PMDB. Aí eu me pergunto: e se Dilma perder, como é que fica o PT? Não fica, né, já que sabemos que a Câmara e o Senado têm maioria do PMDB/DEM. Eu fiquei revoltada com a postura do PT aqui em Minas. Havia dois excelentes candidatos (Patrus e Pimentel) , ambos bem aceitos pela população, trocando farpas pra assumir a candidatura do governo pelo PT . Quando assusto, quem sai candidato? HÉLIO COSTA( AAAAAAAAAAAAAAHHHHHHH!!!!!), do PMDB, diante da renúncia do PT. Sei que isso ocorreu ambém em outros Estados e fico me perguntando se não foi uma imposição do PMDB que o PT teve que engolir “goela abaixo”. Quantas outras ocorrerão e em que gravidade? Sei que Dilma ocupou o mais importante Ministério, na minha opinião, e que representa continuidade do melhor governo que já tivemos. Mas como se dará essa continidade? E a que preço? Dilma não é Lula, Marina não é meio-ambiente e Serra não é saúde. Até então, sinto que os candidatos não têm se mostrado ; mostrado exatamente a que vieram. Talvez não tenha havido um embate propriamente dito de propostas no debate porque não há propostas. Vamos ver se sigo mais otimista.

Ah, e Marina foi um desastre completo na entrevista da Globo. Caráleo, ela foi um poço de senso-comum. Esse “Brasil que nós queremos” dela tá começando a cansar… Mas do quê que eu tava falando mesmo? Ah, da entrevista da Dilma. Vejam o bafão de William Bonner porque vale a pena, assim como a calma da Dilma, mesmo quando foi muito ofendida (essa de Renan Calheiros e de Collor foi muito o “discursinho jogo sujo pra tentar desmoralizar” que a direita faz contra o Lula. E que não cola, pelamordedeus.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: