Sketches- clientes

Trabalhar com revisão é legal: você trabalha em casa, ganha sua grana sem descontos de imposto e ainda recebe relativamente bem pelo serviço. Acontece que as pessoas costumam te procurar aos 46 minutos do segundo tempo, querendo o serviço pra ontem. Como se revisar um texto fosse coisa de cinco minutos, sabe?

Esta semana, precisamente ontem e hoje, dois clientes me procuraram. Saca só o que rolou:

Cliente 1- a analfabyte: A moça me liga e me pede pra colocar o trabalho escolar da filha dela nas normas da ABNT. Geralmente, meus clientes são universitários. Pensei: “Nó, que bom, só formatar ABNT!” Aí a moça queria vir aqui em casa pra trazer o trabalho. “Não precisa, basta você me enviar por email”. Então, ouço a seguinte resposta: “Eu não sei enviar por email”. Se estivéssemos em 1995, eu compreenderia, mas pô, a moça não sabe enviar arquivos por email, em pleno ano de 2010! Combinei, então, de ela me entregar o arquivo na PUC hoje cedo. Acontece que não pude ir lá. Quando ela me ligou, eu disse: “Se você quiser, te ensino como enviar por email”. Depois que expliquei pra ela (e ela foi anotando no papel), ela me pergunta:  “O arquivo tem que estar dentro do computador pra você corrigir?” Bom, cara pálida, se você quer que eu MUDE a formaação do texto, é óbvio, né? “Olha, é bom, né? Senão não tem como eu mudar a formatação…” “Mas eu digitei o trabalho em dois computadores diferentes:  no de casa e no da escola”. Wait a second: você é PROFESSORA?! De que século?? Aí falei pra ela que teria como ela enviar os dois arquivos por email pra mim. “Mas eu só sei mandar email pra você quando entro no meu email”. É, eu sei… Parece que ela pensou que tinha como me mandar um email pelo Word. Quando vi que ela não tinha entendido como enviar o email, disse: “Você pode gravar os arquivos num pen-drive (pen, o quê?) ou CD e me entregar pessoalmente, mas não precisa desse trabalho todo: você pode me enviar por email mesmo. Você entra no seu email, digita o meu, clica no clips, clica no nome do arquivo e me manda!” “Vou ver se alguém entendindo de computador pode vir aqui pra me ajudar. Te ligo mais tarde.” Eu aposto que ela ainda vem aqui em casa com o arquivo impresso pra eu corrigir.

Cliente 2- desesperado além da conta: Ontem, um sujeito, indicado por uma amiga, me manda uma mensagem, perguntando se podia revisar a monografia dele.  Respondi, solicitando que ele me enviasse um email (foi-se o tempo em que eu gastava meus preciosos créditos com clientes no celular). Ele me liga no dia seguinte, porque queria “conversar um pouquinho comigo”. É incrível como sempre tem uma história de desabafo! No fim das contas, ele queria o serviço pra ontem, é claro. Disse pra ele: “Só posso a partir de segunda.” “Mas não tem jeito de passar o meu na frente?” (Adoooro!) Falei pra ele que não, porque o povo já tinha mandado antes, etc. Combinamos que eu enviaria o orçamento ainda pela manhã e o fiz cinco minutos depois do telefonema, pq conheço esses tipos desesperados. Aí o camarada me liga à tarde pra perguntar se eu tinha mandado o email com o orçamento. Sim, o que eu tinha mandado de manhã. Assim: por que diabos você  não olhou o email em vez de me ligar??? “Mandei sim, logo depois que você me ligou, você não conseguiu acessar?” (Detalhe: ele enviou o arquivo enquanto ainda conversava comigo, tamanho o desespero). Ele falou que era o email do trabalho, que só acessava lá. “E aí, como é que ficou??” “Olha, eu não  estou mais em casa e não decorei o valor…” “Assim que eu chegar no serviço amanhã, te respondo!” Aí hoje, ele manda um email confirmando a execução do serviço e termina assim: “Capricha, viu!!!” (Com todas essas exclamações que você está vendo…) Pena que a gente não pode mandar os clientes irem chupar limão…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: