Desejo

Antes crescia fruto do silêncio

Hoje cresce fruto de conversas

fruto do cotidiano

que se transforma

Cresce e devasta

E vasto se torna

E transborda

E entorna

Anúncios

1 Comentário »

  1. Guilherme Lisboa said

    gostei da referência ao silêncio, e da antítese das conversas, foi meio que uma “piada interna”, mesmo não sendo piada, apesar de me fazer sorrir muito…
    Beijos.

RSS feed for comments on this post · TrackBack URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: